Encontros e desencontros na docência universitária: da ênfase no ensina à ênfase na aprendizagem

Download

- Estrelas (0)

1 Downloads

Dono: Rafael Bermudi

Versão: 1.0

Última Atualiz.: 26-10-2018 15:54

Compartilhar
DescriçãoVisualizarVersões

As convulsões que abalaram o mundo nos últimos tempos não poderiam deixar de afetar também a vida na universidade. A expansão da Educação Superior ocorrida nas últimas duas décadas reascende o debate de velhos e novos desafios: o que se espera da Educação Superior nesse novo cenário? Quais os motivos que impulsionaram essa expansão? Que elementos internos e externos estão atuando nesse contexto? Como está se reestruturando a Educação Superior para atender as novas demandas que estão surgindo? Como está sendo pensado o processo de ensino e de aprendizagem do grande contingente de alunos que chegam à Educação Superior? A proposta do artigo tem por escopo analisar os “encontros” e “desencontros” que emergem na docência universitária à luz das pesquisas que tem problematizado as práticas educativas nas instituições de ensino. Com o propósito de delimitar o tema de investigação, os autores optaram em analisar a docência universitária a partir de dois paradigmas: o paradigma que dá ênfase no ensino e o paradigma que dá ênfase na aprendizagem. Os autores defendem a posição de que toda e qualquer prática docente tem por trás um paradigma que precisa ser explicitado, analisado e discutido para que o processo educativo seja um ato consciente e possa sofrer intervenções que promovam sua melhoria. A não identificação do paradigma que orienta a prática docente pode resultar na ativação de atitudes alienantes que transformam a docência numa ação mecânica e instrumental. Partindo de uma contextualização dos motivos que levaram à expansão da educação superior e das consequências que tal expansão trouxe para a identidade docente, os autores realizam uma caracterização dos dois possíveis paradigmas que perpassam a docência universitária e as consequências que tal opção paradigmática possui na formação acadêmica.

Comentários estão fechados.