Docência para o ensino superior: inovação, informação e construção do conhecimento na era digital

Download

- Estrelas (0)

15 Downloads

Dono: Rafael Bermudi

Versão: 1.0

Última Atualiz.: 13-11-2018 12:37

Compartilhar
DescriçãoVisualizarVersões

Observa-se na atualidade, que as tecnologias ditam a ordem do trabalho e o trabalho braçal cada vez mais é substituído por máquinas – por sua vez, cada vez mais autônomas e inteligentes. Nessa contemporaneidade da era digital – cultura digital, também denominada como era do computador e da convergência tecnológica e de dispositivos, as Tecnologias de Informação e da Comunicação – TIC e atualmente as Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação – TDIC estão presentes em boa parte, tanto no trabalho quanto na sala de aula e entre vários momentos e situações das pessoas. Entende-se que o século XX foi cenário da revolução no âmbito das comunicações, que, em conjunto com três fatores – microeletrônica, os computadores e as telecomunicações -, sem dúvida proporcionam relações estreitas e maior conhecimento entre os diversos povos, além de harmonizar fronteiras pelo mundo virtual. Com isso, a educação foi e é o principal fator para o desenvolvimento de uma nação e para a competitividade internacional de um país. Logo, as TIC promovem uma inovação no âmbito da educação e formação, do acesso à informação e poder apropriá-las para gerar o conhecimento devido. Assim, corroborando para a formação de docentes e discentes no ensino superior, o presente texto, utilizou-se da pesquisa bibliográfica, da experiência empírica e a vivência durante o mestrado no Programa de Pósgraduação em Televisão Digital pela UNESP/Bauru-SP. Com isso, foi possível observar e vivenciar que as TIC cada vez mais disseminam a informação, mas é preciso construir o conhecimento – nem toda informação gera conhecimento. Essa construção dá-se mediante o corpo docente estar preparado para utilizar-se dos meios pelo acesso e apropriação, no qual inclui competências e habilidades para ensinar, mediar e aprender a aprender com os meios. Sendo assim, promover a internacionalização do conhecimento e preparar o corpo discente a serem mais reflexivos e críticos quanto às informações acessadas

Comentários estão fechados.